Marketing de conteúdo funciona para e-commerce?

Inbound marketing é marketing de conteúdo, mas será que vale para e-commerce?

Você já conhece um pouco sobre inbound marketing mas ainda tem dúvidas se vale a pena investir para o seu e-commerce? Conheça o que o marketing de conteúdo pode fazer pelo seu negócio e como aplicá-lo de maneira correta.

Muitos empreendedores digitais se perguntam sobre o uso do inbound marketing para e-commerce, neste artigo você vai entender o porquê de usá-lo e quais seriam as ferramentas e métodos necessários para obter o sucesso.

Por que investir em conteúdo?

Como uma resposta simples conseguimos entender a importância do conteúdo para qualquer negócio digital: O conteúdo personalizado constrói uma relação direta com o consumidor, que passa a confiar na marca e a entender melhor o seu produto. Pesquisas revelam que o marketing de conteúdo é responsável pelo sentimento positivo do consumidor com a marca, criando um relacionamento duradouro e um compartilhamento dessa confiança, gerando novos clientes ou pessoas interessadas.

Como fazer marketing de conteúdo para e-commerce?

Se você já conhece as bases do inbound marketing sabe, provavelmente, que tudo só começa a funcionar quando se sabe a quem se destina a estratégia de conteúdo. No e-commerce não poderia ser diferente, para fazer valer é necessário entender o que o seu público-alvo quer e isso pode ainda ser até bem melhor feito por quem tem uma loja virtual. Você pode utilizar os dados dos clientes que já compraram com você, como faixa etária, região do país, ou outros dados que tiver disponível, para definir o perfil do seu cliente e, finalmente, entender o que ele gostaria de receber como conteúdo, ou seja, qual a necessidade dele.

A persona não é definida por intuição. É necessário fazer enquetes, coletar dados de clientes e prospecto para encontrar o seu público. Ao longo do tempo, é possível ir acrescentando cada vez mais informações que você acaba ganhando com a experiência, mas, a grande lição aqui é que, a partir disso, é possível produzir conteúdo de qualidade.

Como aplicar o marketing de conteúdo para o meu funil de vendas?

Para utilizar o conteúdo de maneira estratégia, você deve estabelecer um objetivo para cada etapa do seu funil de vendas e saber adequar ao público, lembrando que em cada estágio você prepara ainda mais o seu prospecto para a etapa final, da compra.

Conteúdo para o topo do funil

Para o topo do funil, é necessário criar um conteúdo que gere curiosidade e, principalmente, a necessidade sobre o seu produto, por isso, deve ser extremamente informativo e mais amplo.

Conteúdo para o meio do funil

O marketing de conteúdo para o meio do funil deve ser cercado por cases de mercado, webinars, newsletter personalizadas e um conteúdo, em geral, mais focado. Geralmente no meio do funil o cliente já sabe da necessidade de adquirir um produto como o seu, ou seja, que ele possui um problema, por isso,  procura uma solução. Este tipo de conteúdo pode ser gerado através de ebooks e posts para o blog (com conteúdo mais focado) também. É importante ressaltar que ainda no meio do funil você deve elaborar um conteúdo informativo, por isso, ainda não é o momento de falar muito sobre o seu e-commerce.

Conteúdo para fundo do funil

O fundo do funil é o momento da decisão da compra. Aqui neste ponto é a hora de investir em conteúdo que pode esclarecer como funciona o seu produto e a equipe de vendas pode ser acionada e, agora sim, você pode falar sobre o seu produto/e-commerce abertamente.

Essas dicas são importantes quando são aplicadas corretamente no funil de vendas, para saber mais sobre marketing de conteúdo, clique aqui e leia nosso artigo para saber se vale a pena investir em marketing de conteúdo para e-commerce.

Tags: ,

Mostrar botões
Esconder botões