ITIL - Provas intermediárias, uma questão conceitual

ITIL – Provas intermediárias, uma questão conceitual

Não tem mistério. Para se chegar ao ponto de ITIL Expert é necessário muito estudo, entre teoria e prática, tudo é positivo.

O recado que tenho para passar é muito simples: foco no conceito. Você precisa ter uma visão clara do propósito de cada processo e de como ele se relaciona com os demais processos. Sabendo disso, você vai poder visualizar na sua cabeça cenários onde determinados processos são mais interessantes do que outros e qual o resultado da interação entre os mesmos. Você precisa entender os conceitos. Tem que ter visão holística! Alias, visão holística é questão de prova, sabiam? Pois é recomendação e melhor prática abordar o desenho do serviço a partir de uma visão holística! Não é de se estranhar que é mais importante entender os processos do que a tecnologia, por isso é mais importante dominar o conceito do que a técnica – isso se você quer chegar até ao teste final: MALC.

ITILFica fácil falar assim tendo estudado MUITO, como foi meu caso. Fui fundo em todas as publicações. Mas vai por mim: foi fazer o desenho conceitual de toda a ITIL na minha mente que me permitiu passar. As questões “pega ratão” das provas intermediárias, que variam em uma pontuação de 0 até 5 por questão, só podem ser vencidas se você tem a tal “visão holística”. Não é brincadeira! Estude para formar um conceito macro, depois vá para as minúcias.
Aqui deixo mais uma dica: estude processos de verdade. Eu lia um livro oficial e fazia um resumo de cada publicação para, em seguida, fazer a leitura e a revisão dos processos da firma para a qual eu trabalhava na época em que me tornei ITIL Expert. Revisei TODOS os processos de gestão de serviços de TI da minha empresa. Quer ser Expert? Prepare-se para ler muito!

 

Evangelize

Você não vai nem perceber, mas vai começar a se tornar um evangelizador ITIL conforme for avançando em seus estudos. As pessoas também vão começar a lhe procurar, perguntar sobre processos e melhores práticas. Estes momentos de troca serão fundamentais para você exercitar seu entendimento conceitual, porque vai ter de explicar para as pessoas como trabalhar no dia-a-dia de forma mais aderente. Quando você precisa explicar algo, tem que pensar e concatenar ideias. É como viver em um país estrangeiro: você tem que falar a língua do país onde está e precisa estar a todo momento fazendo traduções em sua cabeça, até que vai chegar aquele ponto em que pensará no idioma local. Quando você atingir este nível, estará pronto para tornar-se ITIL Expert.

Debata, Aprenda!

Garanto que você só tem a ganhar participando de grupos de discussão na internet a respeito de ITIL. No LinkedIn temos o Café com ITIL, mas ele não é o único. Os grupos mais movimentados são os internacionais e se você fala inglês precisa aproveitar a oportunidade, enquanto estuda e depois de se certificar, para trocar experiências com pessoas de outros países e de empresas globais. Vale a pena!


Estude com Vontade

Para encerrar, quero lembrar a todos que não adianta tentar só pegar o conceito, tem que estudar com vontade. Isso porque o entender o conceito vai te ajudar a chegar na parte “final” de cada uma das questões dos exames de certificação, aquela parte onde você vai ter de escolher entre as duas alternativas em que uma é a que vale 5 pontos (pontuação máxima por questão) e a outra que vale 3 pontos (segunda melhor pontuação possível por questão). Se você marcar 3 pontos em todas as questões, vai rodar. Precisa fazer no mínimo 70% do total de pontos e só é possível fazer isso tendo acertado os 5 pontos da maior parte das perguntas. Se você acha que tem grandes chances de passar só entendendo o conceito, engana-se. Esta dica só vale para quem está com a “bala na agulha”.

Quer aprender Scrum sem Lero Lero?

CLIQUE AQUI E CONFIRA O CURSO COMPLETO!

Tags: , ,

Mostrar botões
Esconder botões