Agile pode funcionar em grandes organizações? - Site Campus

Agile pode funcionar em grandes organizações?

Agile pode funcionar em grandes organizações?

Agile cada vez mais mostra sua geração de valor para os mais diversos negócios, mas nem sempre ele é a melhor escolha para as diferentes organizações do mundo.

Agile – Para aplicar metodologias ágeis de forma completa é preciso querer, é preciso conhecer e principalmente, e antes de tudo, é preciso necessitar delas.

Hoje em dia, o sucesso das organizações depende muito da capacidade que as empresas têm de se adaptarem ao turbilhão de mudanças que vem tomando conta das mais diversas indústrias. Mas como elas podem e conseguem fazer isso? Afinal, adaptar-se às mudanças não é nada fácil e depende muito dos gestores que estão comandando o andamento estratégico dessas empresas.

Muitas organizações estão buscando por uma resposta nas metodologias ágeis. Só que apesar de toda essa popularidade de prover resposta para momentos turbulentos, agile ainda não foi tão aceito de forma completa nas grandes organizações.

Talvez uma das razões óbvias para isso é que as grandes organizações não costumam realizar grandes mudanças a menos que isso seja absolutamente necessário. Não que isso seja uma regra, afinal, se a estratégia aponta que mudar é o melhor, nada impede que grandes mudanças aconteçam independente do tamanho da empresa.

Outra coisa que não podemos nos apegar de forma superficial é que isso seja uma regra para todas as grandes organizações, pois muitas empresas de grande porte dos mais diversos nichos conseguem adaptar as metodologias ágeis para suas necessidades, tirando o melhor proveito dessas ferramentas.

Metodologias ágeis desafiam o padrão comum para gerenciar projetos e negócios nas organizações, o que exige mudanças na sua estrutura e na forma como enxerga cada oportunidade de negócio que surge.

A implementação de metodologias ágeis em ambientes burocráticos acaba sendo extremamente difícil, porque uma das bases fundamentais do agile é a melhoria contínua dos processos, e a burocracia padronizada e enraizada nas organizações dá uma falsa sensação de estabilidade dos processos, mesmo que esses processos já estejam confusos.

Se burocratizar já é algo complexo, pois fazemos sem nem perceber, imagine desburocratizar.

No entanto, as grandes organizações estão começando a ser atraídas pela taxa de sucesso que métodos ágeis têm apresentados para os mais diferentes negócios ao redor do mundo.

Gigantes do software como Microsoft, IBM e SAP tem usado métodos ágeis com sucesso para projetos de desenvolvimento de seus produtos, e mostrado que o tamanho das organizações e a complexidade de hierarquias não impede o sucesso da gestão de seus projetos.

Acho que a forma simples para que o agile possa ser bem sucedido em uma organização, ela precisa decidir que está pronta para isso e implantar de maneira eficaz as metodologias ágeis para o sucesso de seus projetos. Independente do tamanho da organização, os métodos ágeis podem ajudar. Mas isso precisa ser primeiramente necessário.

Gosto de reiterar que o método que realmente dá certo é aquele que funciona e dá resultados para a organização.

Precisamos perder essa mania de usar métodos apenas para mostrar que está atualizado com as tendências de mercado, mas sim mostrar que somos capazes de gerar resultado para nosso negócio, o sucesso do negócio virá de acordo com seu empenho em usar as ferramentas que estão disponíveis para gerar valor.

É essencial para uma empresa entender as condições em que a execução dos métodos ágeis levarão ao sucesso:

Condição 1: Uma pequena equipe trabalhando em um único local, em vez de uma grande equipe operando a partir de diferentes locais.

Condição 2: Iterações curtas e frequentes pelos quais os problemas podem ser identificados mais rapidamente do que em ciclos de projetos extensos que tendem a esconder os problemas até o fim do projeto

Condição 3: O projeto inclui o envolvimento do cliente durante o desenvolvimento do projeto, sem deixar a burocracia acabar com os projetos.

Condição 4: Capacitar a equipe para tomar decisões sobre todo o desenvolvimento do projeto.

Condição 5: Foco em documentos pontuais e necessários para o negócio, deixando de lado a documentação de informações que não são relevantes ou não criam valor para o projeto.

Então… Agile funciona ou não em grandes organizações? Sim.
Mas é realmente necessário? Vai agregar valor? Vai trazer o resultado que se espera?

Se a resposta para todas as perguntas for sim, então não há nada que possa impedir um profissional competente a usar as ferramentas ágeis a favor da organização e de seus resultados, fazendo as estruturas rígidas abraçar agile como um parceiro a mais para o sucesso.

Caso haja alguma dúvida, entre em contato.

Assine a newsletter do prof. Frederico Aranha
#
Fale com o Site Campus

Tags:, , , ,