As partes (Stakeholders) são realmente interessadas?

As partes são realmente interessadas?

Partes-Interessadas

As partes interessadas de seu projeto podem fazer com que toda a sua gestão se perca se você não souber como gerenciá-las

Não é fácil agradar pessoas. Sim, isso sabemos.

O gerenciamento das partes interessadas, como observado no Guia PMBOK, é fundamental para o sucesso ou fracasso de um projeto. Segundo o Guia PMBOK, Identificar as partes interessadas é o processo de identificação de todas as pessoas ou organizações que podem ser afetadas pelo projeto e documentação das informações relevantes relacionadas aos seus interesses, envolvimento e impacto no sucesso do projeto.

Essas Partes interessadas podem estar diretamente envolvidas no projeto ou podem possuir interesses que podem ser afetados pela execução do projeto, ou pelo resultado produzido por este projeto. Tais partes podem possuir expectativas distintas, o que poderá gerar certos conflitos de interesse sobre o projeto. Ainda deve-se considerar a influência que cada parte interessada pode produzir sobre a equipe de gerenciamento do projeto, nas atividades do projeto, nas entregas e na finalização do projeto, com a intenção de alcançar resultados que atendam aos objetivos estratégicos do negócio ou a outros objetivos.

Existe outro ponto crucial do processo de Identificação das partes interessadas que é a formulação das estratégias para gerenciamento das partes interessadas, onde é definida uma abordagem para apoiar e minimizar os impactos negativos (ameaças), neste ponto também é viável visualizar oportunidades e explorá-las se necessário.  

Quanto o maior ou menor grau de poder versus interesse, ou poder versus influência, ou influência versus impacto as partes interessadas exigiram maior ou menor atenção e intervenções. Note que a as estratégias para gerenciamento das partes interessadas geraram insumos de suma importância para a uma gerencia de comunicação concisa e eficaz.

Só tem um ponto muito importante que eu gostaria de chamar sua atenção aqui: As partes interessadas são realmente interessadas? E digo isso, até mesmo sem pensar inicialmente na influência negativa ou positiva. Porque um interesse negativo é gerenciado, mas a falta de interesse é mais difícil. Sim, eu sei que o “não interesse” faz parte das influências negativas que um stekeholder pode ter em um projeto e quando analisamos friamente isso entra direto para nossa gestão como um item a ser gerenciado e um risco a ser controlado sobre sobre essa parte interessada.

Conforme você busca resolver estes conflitos de relacionamento através de maior comunicação e envolvimento das partes interessadas você conseguirá um maior engajamento dessas pessoas com seu projeto.

Pessoas satisfeitas entre si e com seu projeto como um todo, estarão mais propensas a aceitar mudanças e, consequentemente a aceitar o seu projeto.

E lembre-se: O processo de identificação de partes interessadas é dinâmico, e deve ocorrer durante todo o projeto a fim de responder às mundanças para manter a viabilidade e justificativa para o projeto.

Clique aqui e veja uma aula sobre liderança com o professor Frederico Aranha – faça esta aula gratuitamente e aprenda mais!

Assine a newsletter do prof. Frederico Aranha


#
Fale com o Site Campus

Tags: , , , ,